Escola Azul: Colégio da Rede de Educação Notre Dame conquista selo internacional chancelado pela Unesco
13 de setembro de 2023 Notícias

Evidenciando a proposta de valor Notre Dame, Selo Escola Azul foi concedido à imersão educativa “Um Mergulho no Oceano”, do Colégio Notre Dame Ipanema

Desde 2022 – sob a orientação do mentor Ricardo Gomes, fundador da ONG Instituto Mar Urbano certificada pela ONU -, o Colégio Notre Dame Ipanema desenvolve o projeto transdisciplinar “Um Mergulho no Oceano”, no estado do Rio de Janeiro. A iniciativa, a qual proporciona à comunidade escolar uma imersão educacional nas complexidades dos oceanos e nas questões socioambientais globais, alcançou reconhecimento internacional ao conquistar o Selo Escola Azul, o qual é reconhecido pela Unesco no Brasil e em Portugal.

Em consonância com as mais importantes agendas mundiais e com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), o projeto promove ações de compromisso social e sustentável com a biodiversidade marinha, estando alicerçado em um dos princípios da Rede de Educação Notre Dame – o qual visa ao cuidado da vida do planeta, do outro e de si. Para tanto, as práticas, que perpassam a sala de aula, convidam os educandos da Educação Infantil ao Ensino Médio para conhecerem a rotina dos pescadores, alertando sobre a necessidade de termos praias e oceanos limpos. Responsabilizando-se com o momento presente, à medida que os estudantes engajam desde cedo na cultura oceânica, eles desenvolvem uma consciência ecológica capaz de impactar no porvir.

A partir do projeto “Um Mergulho no Oceano” e suas atividades, o Colégio Notre Dame Ipanema emerge como um farol, iluminando e sensibilizando a sociedade e as empresas para promoverem as mudanças necessárias à conservação e saúde dos oceanos, conforme destaca, com evidências científicas, o fundador da ONG Instituto Mar Urbano. “Estudos preveem que, em 2050, o mar tenha mais plástico do que peixes. Mas não precisamos nos apegar a 2050, pois, hoje, em 2022, os trabalhadores da Colônia de Pescadores de Copacabana já retiram de suas redes, diariamente, mais resíduos plásticos do que peixes.”, frisou o biólogo marinho, Ricardo Gomes, ao reconhecer a importância das aulas realizadas com os estudantes na Colônia.

Os educandos também visitam o manguezal da Lagoa Rodrigo de Freitas, onde é feita a soltura de caranguejos, além de serem desafiados a construir pranchas de stand up paddle, por meio de materiais reutilizáveis e recicláveis.

Representando um marco significativo para o Colégio, a honraria do prestigioso Selo Escola Azul coroa o comprometimento do educandário e de sua comunidade escolar em integrar a biodiversidade marinha nas atividades educativas, fato esse que promoveu uma repercussão na imprensa mundial. Tal visibilidade foi evidenciada à medida que equipes de jornalismo da Band TV e da agência de notícias Reuters acompanharam as ações do projeto, ampliando o alcance do prêmio recebido. O conteúdo produzido espalhou-se como ondas, alcançando veículos de comunicação dos Estados Unidos, França, Arábia, Japão, Espanha, México, e inspirando educadores e estudantes ao redor do mundo.

Novas iniciativas

Por meio de obras audiovisuais, a instituição de ensino realizará, neste semestre, a estreia do Cine ND – que intenciona compartilhar saberes acerca da cultura oceânica, projetando filmes do Instituto Mar Urbano que já conquistaram palcos Brasil afora, uma vez que foram exibidos em eventos e locais notáveis, como: no Museu do Amanhã e no Espaço Convivência Sustentável (ECOS), ambos no Rio; durante a 2ª Conferência do Oceano da ONU, ocorrida em Lisboa, em 2022; e durante a UN Water Conference, em Nova York, neste ano.

  • Colégio Notre Dame Brasília