Passeio de estudos ao Museu de Valores do Banco Central
6 de abril de 2016 Notícias, Portal

Na última terça-feira (05), os estudantes matriculados no 6º Ano do Ensino Fundamental  do Colégio Notre Dame Brasília visitaram o Museu de Valores do Banco Central do Brasil, onde assuntos relativos ao conteúdo de Educação Financeira foram observados e compreendidos.

Na Ala Brasil, seção na qual a história do dinheiro brasileiro está exposta, eles conheceram especificidades das trocas por ele, desde a época colonial, passando pela imperial e pela republicana, até os dias de hoje. Ali, por exemplo, puderam visualizar a primeira moeda usada no Brasil. Trazida pelos portugueses, assim como a atual, ela também chamava-se “real”, mas, pela dificuldade de pronúncia dos nativos, foi renomeada como “réis”. Também na área histórica, os educandos conheceram a primeira máquina de fabricar moedas utilizada no país. A Schuler, fabricada na Alemanha, pesa 5 toneladas e produzia 110 moedas por minutos: um oitavo da capacidade produtiva das máquinas mais modernas.

Na área de Emissões, os estudantes observaram todos os produtos confeccionados pela Casa da Moeda e foram orientados a  conservar as cédulas – cuja durabilidade chega a três anos -, afinal, apenas em 2014, foram destruídas 886 milhões de notas rasgadas, escritas ou remendadas. Além disso, compreenderam qual é a atuação do Banco Central para a economia do país, interferindo, por exemplo, no controle da inflação.

foto materiaJá, na Sala Curiosidades, vislumbraram a maior e a menor pepita de ouro já extraídas do território nacional, enquanto isso, na Sala Ouro, observaram incontáveis produtos feitos com o metal. Desse modo, compreenderam que o ouro não é encontrado na natureza da forma como é comercializado, pois, antes de ser disponibilizado ao consumidor final, ele passa por processos que lhe conferem o aspecto reluzente e amarelado.

Acesse a galeria: